M
23.MARÇO.2015

Deninho conta para o site MX Racing sua experiência nos EUA
Campeão da 250cc e vice da 450cc, o piloto deixou sua marca na terra do Tio Sam

Em busca de realizar um grande sonho, Deninho Alves embarcou com Marcelinho Felipe para participar de um dos campeonatos amadores mais disputados na América do Norte, o Ricky Carmichael Amateur Supercross, que tomou conta da pista de Daytona nos dias 8 e 9 de março. Deninho garantiu o lugar mais alto do pódio na categoria 250cc e foi vice na 450cc.

Deninho contou para o site MX Racing como foi sua participação na disputa, segue abaixo uma parte da entrevista

 

MX Racing: Como surgiu esta possibilidade de voce participar do RCSX? Entraram em contato, ou o planejamento da viagem foi por conta própria?

Deninho: Ano passado tive a oportunidade de ir assistir o AMA em Daytona, ano de 2014, lá fiquei sabendo que seria possível de correr o Amador do Ricky Carmichael no próximo ano, ai então surgiu esta ideia que foi concretizada no final do ano, onde comecei a correr atrás de descobrir todas as coisas necessárias para isso, como inscrições, documentos, motos e até onde ficar. Foi quando um amigo, que mora em Orlando e está fazendo um pacote para pilotos que querem andar ou correr lá nos EUA, me deu todo o suporte, desde moto, trailer e hospedagem na casa dele. Com isso comecei a me planejar e corri atrás do que faltava para realizar esse sonho.

 

MX Racing: E quando voce já tinha tudo pronto, que já estava certo que ia correr, como você se preparou para prova? Fez algo diferente? Você tinha ideia de como seria a corrida ou até mesmo dos pilotos que voce ia enfrentar?

Deninho: Aqui no Brasil continuei o mesmo de sempre, andando apenas de fim de semana, mas viajei uma semana antes para que eu pudesse treinar lá, conhecer a moto e o estilo de terreno que eu ia enfrentar. Treinei no domingo, terça, quarta e quinta, antes do evento. Não fazia ideia de como seria e nem de quem eu enfrentaria, foi tudo uma grande surpresa para mim.

 

MX Racing: Ter saído de lá como campeão da 250C e por muito pouco também nao ter levado na 450C foi uma surpresa maior ainda então? Você foi com o intuito apenas de participar e ver a que nível estava dos gringos, ou a vitória chegou a passar pela sua cabeça antes de alinhar?

Deninho: Foi uma surpresa maior ainda com certeza. Meu principal intuito era mesmo de participar e realizar um sonho de participar de uma competição nos EUA. Sei que seria incrível independente de qualquer resultado. Acho que qualquer piloto pensa em uma vitória, mas eu não fazia ideia se seria ou não possível.

 

(...)

 

MX Racing:Parabéns Deninho! Agora deixaremos um espaço para você agradecer todos que te apoiaram nesta aventura!

Deninho: Quero agradecer primeiramente a Deus. Agradecer ao Ray Degodoi, que é quem me recebeu, acompanhou e deu todo o suporte. Parte da vitória também é dele. Aos meus pais que sempre me apoiam e sempre estão do meu lado mesmo estando longe. A todos que assistiram ou não a corrida, mas que ficaram na torcida e oração, com certeza a força de todos estavam comigo. Aos meus patrocinadores que de qualquer forma me apoiaram. A ASW em especial por preparar os melhores conjuntos. A Rx Gráficos que preparou meus números. Ao Jacome da pista MXPark. Por fim, agradeço a todos que me apoiaram nessa jornada.

Para ler a entrevista completa acesse: http://mxracing.com.br/12000

Entrevista por: Ernani Lee Teixeira - Fotos: Arquivo pessoal e GuyB / VitalMX

,
  • COMPARTILHE ESTA NOTÍCIA
  •  
  • MAIS NOTÍCIAS

    M
    VIDEOS